Mortes por latrocínio e lesão corporal seguida de morte aumentaram em comparação aos primeiros seis meses de 2017

Please enter banners and links.

O número de vítimas de homicídio doloso diminuiu no Paraná no primeiro semestre de 2018, em comparação ao mesmo período de 2017, segundo dados da Secretaria de Estado da Segurança Pública e Administração Penitenciária do Paraná (Sesp-PR).1.016 pessoas foram mortas no Paraná no 1º semestre.
Os números foram divulgados nesta segunda-feira (24). De acordo com o levantamento, o número de vítimas de latrocínio e de lesão corporal seguida de morte aumentaram na comparação entre os períodos.Homicídio doloso
Conforme os dados da Sesp, de janeiro a junho de 2018, foram 1.016 vítimas de homicídio doloso no estado. No mesmo período do ano anterior, 1.184 pessoas morreram por este crime.Vítimas de latrocínio no Paraná
Ainda de acordo com o levantamento da Secretaria de Segurança Pública, no primeiro semestre deste ano, aumentou o número de pessoas que morreram vítimas de latrocínio e de lesão corporal seguida de morte.

De janeiro a junho de 2018, foram 48 vítimas de latrocínio no estado. Número maior do que registrado no mesmo período de 2017, quando houve 41 vítimas.

Lesão corporal seguida de morte
O número de vítimas de lesão corporal com resultado de morte, no estado, também aumentou: de 20 mortes, no primeiro semestre de 2017, para 34 vítimas em 2018.

Fonte: G1 Paraná

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *